Alexandre Nero defende Mônica Iozzi no caso Gilmar Mendes

Alexandre Nero usou sua conta no instagram para defender a colega Mônica Iozzi.

O ator escreveu um post crítico, mas ao mesmo tempo bem-humorado, deixando claro seu apoio a Mônica Iozzi.

No texto, Nero faz referências a Zorro, o herói de Johnston McCulley que usa máscara e capa pretas.

Juizz?? Senhor excelentíssimo doutor juiz de direito da vara dos outros, vai tomar no toba, pois não lhe cai bem essa toga Tem juiz que não serve nem pra bandeirinha. Tem juiz que se acha mocinho de faroeste, e acha que seu "z" no juiz é "Z" de Zorro, mas não passa de um Tonto que, como servo, quer que todos se tornem servos também, de preferência o Bernardo, o servo surdo-mudo do Zorro espadachim. Zorro que zurra poderoso de seu "Z" morre de medo de pessoas como vc, que tem o dobro desse poder (zz). Poder de gente e não de herói em quadrilh..quadrinho. Não tenho mais idade pra cair nessa de "herói em quadrinho" na vida real. Meus heróis tem carne e osso. Tem micose, corrimento, carrapato, fimose. São talentosas bailarinas, mas com pereba, escarlatina, febre e trombose. Salve Mônica (e Ozzy … …. Osborne)

A photo posted by Nerótico (@alexandrenero) on

Mônica Iozzi foi condenada pela justiça a pagar R$ 30 mil ao ministro do STF, Gilmar Mendes, por ter criticado a decisão dele de conceder habeas corpus ao médico Roger Abdelmassih.

O ministro processou a atriz após ela postar em sua conta no Instagram uma foto do ministro com o questionamento “cúmplice?”, seguida da legenda: “Gilmar Mendes concedeu Habeas Corpus para Roger Abdelmassih, depois de sua condenação a 278 anos de prisão por 58 estupros”.

O juiz do processo considerou que Mônica “abusa do seu direito de liberdade de expressão, tornando questionável o seu caráter (de Gilmar Mendes) e imparcialidade na condição de julgador”.

A atriz disse que vai recorrer.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *