RJ: ‘Paco e o tempo’, de Cecíilia Ripoll, teve temporada prorrogada

Já se perguntou por que o tempo passa? Por que ele passa? Por onde? Os mistérios do tempo impulsionaram o pequeno Paco, de sete anos, a se aventurar em uma jornada poética e divertida em busca de respostas, e levará o público, mais uma vez, a mergulhar no universo da peça “Paco e o tempo”. A convite do Centro Cultural da Justiça Federal, o espetáculo vai estender suas apresentações para o próximo ano.

O espetáculo foi prorrogado – Divulgação/Marcos Felipe

A montagem do grupo Gestopatas trouxe o texto da atriz Cecíilia Ripoll, que estreia como diretora e autora. A ideia de falar sobre o tema surgiu em 2013, quando ela fez uma substituição, às pressas, na  peça “A cozinheira, o bebê e a dona do restaurante”. Na época, com a intensidade dos ensaios Cecília teve a sensação de como o tempo variava, de acordo com a expectativa de cada um. De lá pra cá, começou a trabalhar a ideia, e, em 2014, criou o grupo Gestopatas, com Tania Gollnick e Ademir de Souza.

Cecília dirigiu a primeira peça “Pareidolia – depois do fim”, que combinava várias linguagens, numa encenação em que as máscaras teatrais foram construídas a partir de objetos de uso cotidiano. A peça teve ensaio aberto em curta temporada no teatro Cacilda Becker.  Agora, o grupo realiza o primeiro espetáculo “Paco e o tempo”, cujo texto foi premiado no III Concurso Jovens Dramaturgos 2013, do Sesc, e contou com grupo de jurados, entre eles, a autora Renata Mizrahi.

SERVIÇO:

Espetáculo: “Paco e o tempo”.
Local: Centro Cultural Justiça Federal.
Endereço: Avenida Rio Branco 241, Centro, Rio de Janeiro. 
Telefone: (21) 3261-2550.
Classificação etária: Livre.
Temporada: Até 29 de janeiro de 2017.
Horário: Sábados e domingos, às 16h.
Duração: 50 minutos.
Ingresso: R$ 30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *