Category Archives: Mural do Aguinaldo

golden

A ARTE DE FAZER POLÍTICA

  Em teoria todo artista se considera um formador de opinião. Meryl Streep nos mostrou de modo irrefutável como isso pode ser exercido na prática. É natural que artistas e intelectuais se coloquem politicamente. Foi sempre assim. Mais do que deveriam, mas ainda assim com

_PPO6945

COMENDADOR SILVA: 1º CAPÍTULO

  O jantar de apresentação do novo restaurante de Aguinaldo Silva em Lisboa já tinha tudo para ser um sucesso. Além do menu caprichado, havíamos reunido para essa noite um grupo de artistas brasileiros que está trabalhando em Portugal. Todos ansiosos por conhecer o espaço

aguinaldo3

NÃO É QUE EU ESTAVA CERTO?

  Quando escolhi “The Crown” como o evento do ano na minha lista de melhores da televisão houve quem torcesse o nariz para a minha escolha. Teve até alguém que, com visível revolta, me perguntou: “E Velho Chico“?  Eu, tentando ser o mais discreto possível

20170107_082643

DE VOLTA PRO ACONCHEGO

QUANDO O PASSADO ESTÁ NO FUTURO Querido Diário, acordo num hotel do Alentejo esparramado numa cama que mais parece aquele barco negro do fado de Amália. E na escuridão total do quarto me faço a pergunta de sempre: “Onde estou”? A resposta me vem rápida

cris

NENHUMA ALMA É PARDA

  Não existem pardos, nem mulatos. Uma pessoa é uma pessoa e isso não depende da cor de sua pele ou deste palavrão chamado “raça”. Entro numa loja aqui em Paris, capricho no meu francês. Faço todos os biquinhos que aprendi com Brigitte Bardot, compro

cg1vzylio1s70yx3vem1lreq1

O QUE MATOU GEORGE MICHAEL?

O VIÚVO PROCLAMA SUA DOR E MANIFESTA O SEU PESAR. A essa altura Fadiz Fawaz, suposto namorado de George Michael, já retirou os twitters do ar. Mas o fato é que logo cedo, numa série deles, o rapaz (na foto acima, com o cantor), que

hqdefault

PAZ, PAZ, PAZ… PAZ!

Em todos os países e em todas as línguas, de Cochabamba a Bagdá: sempre que um jornalista perguntou a alguém, durante os festejos do reveillon, qual era o seu desejo para si e para o mundo neste 2017 que se inicia a resposta foi sempre

aguinaldo2

JÁ ESTOU EM 2018!

  31 de dezembro de 2016 à meia-noite: onde estarei, com quem estarei e o que estarei fazendo a esta hora? A resposta me vem rápida: em casa, sozinho, vendo mais um episódio da segunda temporada de Outlander, que, diga-se de passagem, não está me

gty_debbie_reynolds_carrie_fisher_ml_160518_16x9_992

MORRE MÃE DE CARRIE FISHER

  Um dia depois da morte de Carrie Fisher, sua filha, com quem manteve uma relação problemática ao longo da vida, Debbie Reynolds, uma das últimas realezas do cinema ainda vivas, morreu aos 84 anos. A foto abaixo é uma das últimas em que mãe

aguinaldo3

QUEM FOI MELHOR ESTE ANO?

  Escolher os meus melhores do ano. Eu tinha prometido a mim mesmo que não faria mais isso, pois é impossível escolher os melhores sem falar em televisão, e bem, quando se fala em melhores de televisão… A modéstia me impede de continuar. Mas, como

michael

PRA QUE TANTO TORMENTO?

Ele foi um dos artistas mais atormentados da segunda metade do século XX. Não pela criatividade, mas pela sua condição sexual, a marca que o perseguiu durante toda a vida. Talvez por  ser tão evidentemente angustiado em relação a isso, nunca conseguiu aprovação unânime como

aguinaldo1

PARIS ERA UMA FESTA

  Não se iludam: as fotos que andei publicando nas redes sociais sobre a minha estadia em Paris estão longe de traduzir o que achei da cidade onde não vinha há mais de dois anos. Paris mudou. Como todos nós, como o Ocidente aberto e

sarony_wilde_assis_0

IMPERTINENTE ABSOLUTO

  “O Impertinente Absoluto”: é este o nome da exposição sobre Oscar Wilde que vou ver amanhã aqui em Paris, no Petit Palais. Depois vou escrever sobre o que vi e sobre a importância deste homem cuja impertinência causou sua desgraça e continua a importunar

20161220_135731

PARIS AINDA É UMA FESTA?

  Saio de São Paulo rumo a Paris na segunda-feira. E ao chegar lá no dia seguinte descubro que, enquanto viajava, aqui na Europa, de novo e como diriam os portugueses, “aconteceram acontecimentos”: mais um atentado mortal, de autoria outra vez reivindicada pelo auto-proclamado estado